Objetivo do Fluxo na Brasagem: Entendendo sua Importância no Processo de Brasagem

Finalidade do fluxo durante a brasagem

Na brasagem, o objetivo do fluxo é evitar a oxidação e contaminação do metal base e do metal de adição. A oxidação pode enfraquecer a articulação e fazer com que ela falhe prematuramente. O fluxo ajuda a remover óxidos e outros contaminantes da superfície do metal, facilitando o fluxo do metal de adição e a ligação com o metal base.

O fluxo também ajuda a evitar a entrada de ar na junta durante a brasagem, o que pode causar porosidade e enfraquecer a junta. Porosidade é a presença de pequenos vazios ou furos na junta, o que pode reduzir sua resistência e integridade. Ao impedir a entrada de ar na junta, o fluxo ajuda a criar uma ligação forte e confiável entre o metal base e o metal de adição.

No geral, o objetivo do fluxo durante a brasagem é garantir uma junta forte e confiável que durará muitos anos. Ao prevenir a oxidação, contaminação e porosidade, o fluxo ajuda a criar uma ligação forte e durável. Ao selecionar um fluxo para brasagem, é importante escolher um que seja apropriado para o metal de base e metal de adição utilizado, bem como para a faixa de temperatura do processo de brasagem.

O que é brasagem?

Brasagem é um processo de união de metal que utiliza calor e um metal de adição para unir duas ou mais peças metálicas. Ao contrário da soldagem, a brasagem não derrete o metal base, mas sim o metal de adição que flui para o espaço entre as peças a serem unidas. O metal de adição é então resfriado e solidificado, criando uma ligação forte e permanente entre as peças.

A brasagem é comumente usada para unir metais diferentes, como ligas de alumínio e cobre, e também pode ser usada para unir materiais que não podem ser soldados. A brasagem pode ser realizada com uma variedade de metais de adição, incluindo ligas de brasagem de prata, ligas de cobre-fósforo e soldas sem chumbo.

O processo de brasagem requer o uso de fluxo, que é um material que é aplicado na área da junta para evitar a oxidação e promover a colagem. O fluxo remove quaisquer óxidos ou outros contaminantes da superfície do metal base, permitindo que o metal de adição flua e se ligue ao metal base.

A escolha do metal de adição e do fluxo depende do material de base a ser unido e dos requisitos específicos da aplicação. Por exemplo, ligas de prata para brasagem são comumente usadas para juntas de alta resistência em aplicações aeroespaciais e automotivas, enquanto ligas de cobre-fósforo são frequentemente usadas para unir tubos de cobre em aplicações de encanamento.

Em resumo, a brasagem é um processo de união de metal que utiliza calor e um metal de adição para unir duas ou mais peças metálicas. O uso de um fluxo é necessário para promover a ligação e prevenir a oxidação. A brasagem pode ser usada para unir metais diferentes e é um processo versátil que pode ser usado em uma ampla gama de aplicações.

Importância do Fluxo na Brasagem

A brasagem é um processo de união de duas ou mais peças metálicas, aquecendo-as a uma temperatura abaixo do ponto de fusão do metal base e, em seguida, adicionando um metal de adição que derrete e flui para dentro da junta por ação capilar. Um dos componentes críticos da brasagem é o uso de um fluxo de brasagem. O objetivo principal do fluxo de brasagem é proteger as superfícies metálicas da oxidação e remover quaisquer óxidos existentes.

A oxidação é um processo que ocorre quando o metal é exposto ao ar e à água, resultando na formação de óxidos. Os óxidos podem impedir que o metal de adição flua para dentro da junta, resultando em juntas fracas ou incompletas. O fluxo de brasagem atua como barreira química, evitando a formação de óxidos, removendo-os à medida que se formam. Também atua como agente umectante, melhorando o fluxo do metal de adição na junta.

A seleção do fluxo de brasagem correto é crucial, pois diferentes fluxos são projetados para aplicações específicas. Os fluxos à base de bórax são comumente usados em aplicações de brasagem, pois possuem baixo ponto de fusão e são eficazes na remoção de óxidos. Fluoretos e sais de potássio também são ingredientes comuns em fluxos de brasagem, pois podem reduzir a temperatura liquidus do material de enchimento e melhorar a ação umectante.

Os fluxos podem estar na forma de pasta, líquido ou pó e são aplicados nas superfícies metálicas antes da brasagem. O fluxo derrete e se torna ativo a uma temperatura específica, geralmente em torno de 800°F (425°C). A esta temperatura, o fluxo torna-se claro e ativo, e a superfície metálica brilhante é visível por baixo.

É essencial usar a fonte de calor adequada e uma atmosfera controlada durante a brasagem para garantir que o fluxo e o material de enchimento não reajam com quaisquer contaminantes no ar. Os vapores do fluxo de brasagem também podem ser prejudiciais, por isso é crucial usar equipamento de proteção e ventilação adequados.

Em resumo, o uso de um fluxo de brasagem é fundamental em aplicações de brasagem para evitar a oxidação, remover os óxidos existentes e melhorar a ação umectante do material de enchimento. A seleção do fluxo correto é essencial, pois diferentes fluxos são projetados para aplicações específicas. Também é crucial usar a fonte de calor adequada, atmosfera controlada e equipamento de proteção para garantir um processo de brasagem bem-sucedido.

Tipos de fluxo de brasagem

O fluxo de brasagem é um componente essencial no processo de brasagem. Ajuda a prevenir a formação de oxidação e outros contaminantes na superfície do metal durante o processo de brasagem. Escolher o tipo certo de fluxo de brasagem é crucial para obter uma junta soldada forte e confiável. Aqui estão alguns dos tipos mais comuns de fluxo de brasagem:

Fluxo de colofónia

O fluxo de colofônia é um tipo de fluxo comumente usado para brasagem de cobre e latão. É feito de resina de pinheiro e é conhecido por sua capacidade de remover películas de óxido da superfície metálica. O fluxo de colofônia é relativamente fácil de usar e está disponível em uma variedade de formas, incluindo pasta, líquido e pó.

Fluxos baseados em bórax

Os fluxos à base de bórax são outro tipo comum de fluxo de brasagem. Eles são normalmente usados para brasagem de ligas de prata, latão e cobre. Os fluxos à base de bórax são feitos de uma mistura de bórax, ácido bórico e outros aditivos. Eles são conhecidos por sua capacidade de dissolver óxidos e outros contaminantes, tornando-os uma excelente escolha para brasagem.

Fluoroboratos

Os fluxos de fluorborato são um tipo de fluxo de brasagem comumente usado para brasagem de aço inoxidável e outras ligas de alta temperatura. Eles são feitos de uma mistura de ácido fluobórico e outros aditivos. Os fluxos de fluorborato são conhecidos por sua capacidade de dissolver óxidos e outros contaminantes em altas temperaturas, tornando-os uma excelente escolha para aplicações de brasagem em altas temperaturas.

Outros tipos de fluxo de brasagem

Existem outros tipos de fluxos de brasagem disponíveis, incluindo fluxo de brasagem de prata e fluxo de brasagem de alumínio. O fluxo de brasagem de prata é normalmente usado para brasagem de prata e outras ligas de alta temperatura. O fluxo de brasagem de alumínio é usado para brasagem de alumínio e outros metais não ferrosos.

Concluindo, escolher o tipo certo de fluxo de brasagem é crucial para obter uma junta soldada forte e confiável. Cada tipo de fluxo de brasagem possui propriedades exclusivas e é mais adequado para aplicações específicas. Ao selecionar um fluxo de brasagem, é importante considerar o metal base a ser brasado, o tipo de brasagem realizada e a faixa de temperatura do processo de brasagem.

Como funciona o fluxo?

O fluxo é um componente essencial no processo de brasagem, pois ajuda a criar juntas fortes e confiáveis entre duas superfícies metálicas. O objetivo principal do fluxo é evitar a oxidação dos materiais de base e de enchimento durante o processo de brasagem. O fluxo é quase inerte à temperatura ambiente, mas em temperaturas elevadas torna-se fortemente redutor e dissolve os óxidos presentes na superfície do metal.

Molhar

O fluxo promove a umectação, que é a capacidade de um líquido se espalhar sobre uma superfície. Quando uma superfície metálica é aquecida, o fluxo derrete e se espalha pela superfície, reduzindo a tensão superficial do metal de adição fundido. Isso permite que o metal de adição fundido flua para dentro da junta e se ligue ao metal base. Sem fluxo, o metal de adição fundido formaria gotas na superfície do metal e não se ligaria adequadamente.

Ação capilar

O fluxo também promove a ação capilar, que é a capacidade de um líquido fluir em espaços estreitos sem a ajuda ou em oposição a forças externas como a gravidade. Quando o fluxo derrete, ele é atraído para dentro da junta por ação capilar, onde dissolve quaisquer óxidos presentes na superfície do metal. Isso ajuda a criar uma superfície metálica limpa para a ligação do metal de adição.

Liberação Conjunta

O Flux também ajuda a preencher quaisquer lacunas ou espaços na junta, melhorando a resistência da ligação. O fluxo derrete e flui para dentro da junta, preenchendo quaisquer lacunas ou espaços e garantindo que o metal de adição se ligue a ambas as superfícies da junta.

Junta sobreposta

Em uma junta sobreposta, onde uma superfície metálica se sobrepõe à outra, o fluxo ajuda a evitar que o metal de adição flua para fora da junta e para a superfície do metal. O fluxo derrete e flui para dentro da junta, criando uma barreira que impede que o metal de adição fundido flua para fora da junta e para a superfície do metal.

No geral, o fluxo desempenha um papel crítico no processo de brasagem, promovendo umedecimento, ação capilar, folga nas juntas e evitando a oxidação dos materiais de base e de enchimento. Ao usar o fluxo certo para o trabalho, os brasadores podem criar juntas fortes e confiáveis que atenderão às demandas de sua aplicação.

Vantagens do fluxo de brasagem

O fluxo de brasagem oferece diversas vantagens no processo de brasagem. Aqui estão alguns dos principais benefícios do uso do fluxo de brasagem:

1. Remoção de Óxido

Uma das principais funções do fluxo de brasagem é remover óxidos e outros contaminantes da superfície do metal. Isto é importante porque os óxidos podem impedir que o metal de adição flua adequadamente e podem enfraquecer a junta. O fluxo de brasagem ajuda a criar uma superfície limpa que promove boa adesão e colagem.

2. Proteção

O fluxo de brasagem também fornece proteção para o metal durante o processo de brasagem. Ajuda a prevenir a oxidação e outros tipos de corrosão que podem ocorrer quando o metal é exposto a altas temperaturas. Essa proteção ajuda a garantir que o metal mantenha sua resistência e durabilidade ao longo do tempo.

3. Ligação Metalúrgica

O fluxo de brasagem promove a ligação metalúrgica entre o metal de adição e o metal base. Este tipo de ligação é mais forte do que outros tipos de ligação, como a ligação mecânica. Também ajuda a criar uma articulação mais resistente ao estresse e a outros tipos de desgaste.

4. Compatibilidade com ligas ferrosas e de níquel

O fluxo de brasagem é compatível com uma ampla variedade de metais, incluindo ligas ferrosas e de níquel. Isso o torna uma opção versátil para uma variedade de aplicações de brasagem.

5. Conteúdo de fósforo

Alguns tipos de fluxo de brasagem contêm fósforo, o que pode ajudar a melhorar a resistência e durabilidade da junta. Isto é particularmente importante para aplicações onde a junta estará exposta a altos níveis de tensão ou desgaste.

Equipamentos de proteção

É importante observar que o fluxo de brasagem pode ser perigoso se não for manuseado adequadamente. Pode causar irritação na pele e outros tipos de problemas de saúde se entrar em contato com a pele ou for inalado. Equipamentos de proteção, como luvas e respirador, devem ser usados ao manusear o fluxo de brasagem para garantir a segurança.

Em resumo, o fluxo de brasagem oferece diversas vantagens no processo de brasagem, incluindo remoção de óxido, proteção, ligação metalúrgica, compatibilidade com ligas ferrosas e de níquel e teor de fósforo. No entanto, é importante manusear o fluxo de brasagem com cuidado e usar equipamentos de proteção para garantir a segurança.

Brasagem em Forno e Brasagem em Atmosfera Controlada

A brasagem em forno e a brasagem em atmosfera controlada são dois tipos de métodos de brasagem que usam uma fonte de calor para derreter o metal de adição da brasagem. Ambos os métodos utilizam um forno para aquecer a peça e o metal de adição a uma temperatura alta o suficiente para derreter o metal de adição.

Na brasagem em forno, a peça e o metal de adição são colocados em um forno e aquecidos a uma temperatura específica. A temperatura é controlada para garantir que o metal de adição derreta e flua para dentro da junta. A atmosfera dentro do forno não é controlada e, portanto, pode ocorrer oxidação. Para evitar a oxidação, um fluxo é usado para remover a camada de óxido e proteger o metal de futuras oxidações.

A brasagem em atmosfera controlada, por outro lado, utiliza uma mistura gasosa contida em um espaço fechado, geralmente um forno de brasagem. A atmosfera, como hidrogênio, nitrogênio ou amônia dissociada, envolve completamente os conjuntos e, ao excluir o oxigênio, evita a oxidação. A atmosfera controlada também garante que o metal de adição flua para dentro da junta e forme uma ligação forte.

Aqui estão algumas diferenças entre a brasagem em forno e a brasagem em atmosfera controlada:

  • A brasagem em forno é mais barata do que a brasagem em atmosfera controlada.
  • A brasagem em atmosfera controlada produz juntas de maior qualidade do que a brasagem em forno.
  • A brasagem em forno pode ser usada para uma ampla variedade de materiais, enquanto a brasagem em atmosfera controlada é mais adequada para materiais específicos.
  • A brasagem em atmosfera controlada requer mais equipamentos e manutenção do que a brasagem em forno.

Em resumo, a brasagem em forno e a brasagem em atmosfera controlada são dois tipos de métodos de brasagem que utilizam uma fonte de calor para derreter o metal de adição da brasagem. A brasagem em forno é menos dispendiosa, mas pode resultar em oxidação, enquanto a brasagem em atmosfera controlada produz juntas de alta qualidade, mas requer mais equipamentos e manutenção.

Envie sua pergunta agora

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Imagem de Mark

Marca

Especialista em Máquina de Brasagem Automática e Acessórios de Refrigeração

Postagens Relacionadas

Envie sua pergunta agora